Ícone de alerta
Alerta anterior Próximo alerta Fechar alerta

Falta de chuva compromete potencial da safra 2018 de café em MG

Compartilhar Compartilhe no Whatsapp Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter

3 min de leitura

A Cooperativa Regional de Cafeicultores em Guaxupé (Cooxupé) divulgou no seu mais recente comunicado que as chuvas ocorridas nos últimos dez dias do mês de setembro colaboraram para a abertura de uma grande florada, que inclusive foi apontada pelo Departamento de Desenvolvimento Técnico de Cooxupé como a principal desta safra, já que as lavouras até então estavam submetidas a um intenso estresse hídrico e térmico.

 

As altas temperaturas e a falta de chuvas na região de Guaxupé, sul de Minas Gerais, devem comprometer o potencial produtivo da safra de café de 2018. O Departamento informou ainda que as temperaturas altas, associadas ao déficit hídrico acentuado durante a florada, além de comprometera estrutura do botão floral, diminuiu o índice de pegamento, podendo inclusive causar a queda dos “chumbinhos” recém-formados.

 

Previsão do tempo para 15 dias com análise do estado e impacto das condições previstas na cultura

 

De acordo com o meteorologista da Climatempo Alexandre Nascimento, nos próximos meses a chuva deve ficar dentro da normalidade Climatológica na região de Guaxupé, inclusive com possibilidade de superá-la em dezembro. “As temperaturas também estão mais baixas em relação ao que se observava em outubro, e a partir de agora só devemos ter períodos curtos de temperaturas elevadas, e não mais semanas de calor como aconteceu nos dois meses anteriores”, explica Nascimento.

 

O padrão climatológico mudou e deve se aproximar cada vez mais do que é considerado normal. Apesar de ter tido seu potencial comprometido, o meteorologista dá uma boa notícia com relação às safras: “A de 2017/18 deve ser melhor do que a anterior, que por sua vez foi melhor do que a de 2015/16”. Isso acontece porque a safra do café começa o seu ciclo no ano anterior, ou seja, a safra 2017/18 começou a florada neste ano, mas só será colhida no ano que vem.

 

 

Colaborou neste texto a estagiária Amanda Sampaio. 

 

Veja também:

Análise de volume de chuva para a área produtora

Facilidade de tomar a decisão: Relatório do volume de chuva e quantidade de nuvens

Experimente ter monitoramento em tempo real da sua fazenda

+ mais notícias