Ícone de alerta
Alerta anterior Próximo alerta Fechar alerta

Dados revelam a performance da produção dos cafés no BR

Compartilhar Compartilhe no Whatsapp Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter

3 min de leitura

A produção da espécie de café arábica no Brasil está presente nas cinco regiões macroeconômicas – Sul, Sudeste, Centro-Oeste, Norte e Nordeste – e ocupa uma área total de 1,47 milhão de hectares, com produção estimada em 36,98 milhões de sacas de 60kg e produtividade média de 25,16 sacas por hectare em 2019.

 

Com relação ao café conilon, a área ocupada na produção é de 373,22 mil hectares, com volume de 13,93 milhões de sacas e produtividade de 37,34 sacas por hectare.

 

Com relação exclusivamente à produção de café arábica, na Região Sudeste, que congrega os maiores estados produtores dessa espécie, a produção total de café arábica estimada em 34,38 milhões de sacas, ocupa 1,34 milhão de hectares, com produtividade média de 25,59 sacas por hectare, em 2019. 

 

A segunda maior região produtora de café arábica do Brasil – Nordeste –, neste ano, tem uma produção de 1,24 milhão de sacas e produtividade de 16,38 sacas por hectare em uma área de 75,5 mil hectares.

 

Na Região Sul, somente o Paraná que produz essa espécie numa área de 37,40 mil hectares, com produção estimada em 1,05 milhão de sacas e produtividade de 28,07 sacas por hectare.

 

Por fim, na Região Centro-Oeste a produção de café arábica em 2019 foi calculada em 236 mil sacas, numa área de 6,56 mil hectares e produtividade de 35,94 sacas por hectare.

 

Os dados e números que permitiram realizar estas análises da performance da produção dos Cafés do Brasil foram obtidos do Sumário Executivo do Café – Posição: julho/2019, o qual é elaborado e divulgado mensalmente pela Secretaria de Política Agrícola – SPA, do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento – Mapa.

Experimente ter monitoramento em tempo real da sua fazenda

+ mais notícias