Ícone de alerta
Alerta anterior Próximo alerta Fechar alerta

Clima seco e o impacto na produção de milho 2ª safra

Compartilhar Compartilhe no Whatsapp Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter

2 min de leitura

O Rally da Safra percorreu as regiões mais afetadas pela seca para avaliar aspectos fundamentais que irão determinar estimativas mais precisas sobre a produção da segunda safra de milho, como população de plantas, espigas por metro linear, tamanho de espiga, peso de grão, além do percentual da área.

 

"Trata-se de uma das temporadas mais complexas dos últimos tempos", analisa André Debastiani, coordenador do Rally. Os altos preços estimularam os produtores a aumentar os investimentos nas lavouras e a área plantada, que chegou a 14,4 milhões de hectares (7% acima da temporada anterior).

 

Tudo isso, porém, ocorreu com o plantio mais tardio da história, empurrando o desenvolvimento das lavouras para um calendário de alto risco climático. A safra começou com alto potencial produtivo, que acabou comprometido pela estiagem em importantes regiões produtoras, prejudicando principalmente as áreas semeadas mais tarde.

 

André Debastiani, produtor, engenheiro agrônomo e coordenador do Rally da Safra é nosso convidado para comentar as primeiras análises das equipes que percorreram vários estados agrícolas. Veja abaixo: 

 

 

 

 

Onde ouvir o AgroTalk?

 

Todos os conteúdos do podcast AgroTalk também estão disponíveis nas plataformas Spotify, Deezer, Podcasts Connect da Apple. Ao acessar as plataformas é só procurar por AgroTalk.  Acompanhe aqui a lista de todos os episódios do podcast AgroTalk

 

 

Experimente ter monitoramento em tempo real da sua fazenda

+ mais notícias