Ícone de alerta
Alerta anterior Próximo alerta Fechar alerta

Chuva atrasa plantio do trigo

Compartilhar Compartilhe no Whatsapp Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter

4 min de leitura

A presença da frente fria sobre a região Sul do Brasil vai manter o tempo bastante instável sobre boa parte das regiões produtoras do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e do Paraná. Assim, trabalhos de colheita, plantio e preparo do solo estarão comprometidos, atrasando ainda mais o avanço do plantio do trigo. Também há previsões para pancadas de chuvas sobre as regiões produtoras de São Paulo, do triângulo e sul de Minas Gerais. Como serão pancadas de fraca intensidade e irregulares, apenas haverá a paralisação momentânea da colheita do milho, café e da cana de açúcar, sem riscos de perdas de produtividade e/ou qualidade.

 

Conheça a análise de volume de chuva para sua área produtora

 

Também não se pode descartar a possibilidade de que venham ocorrer pancadas de chuvas isoladas sobre o Mato Grosso e Goiás nesta quinta-feira (01), sendo que essas chuvas já trazem prejuízos aos produtores de milho e algodão, uma vez que quase 30% dos grãos de milho colhidos, até o momento, apresentam-se ardidos. No algodão, essas chuvas já provocam o apodrecimento dos botões florais do baixeiro.

 

E tais condições meteorológicas deverão se manter inalteradas ao longo dos próximos dias, já que no próximo final de semana, uma nova frente fria irá avançar sobre a região Sul, provocando chuvas fortes em, praticamente, toda a região. O novo sistema deverá estar avançando sobre o estado de São Paulo ao longo da semana que vem e, provoca chuva em boa parte dos estados de São Paulo, Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e Mato Grosso. Os trabalhos de colheita da cana de açúcar, do café e do milho serão afetados e também o plantio do trigo.

 

 

Frio 

Mas o fato que irá marcar esse final de semana será o frio. O avanço de uma massa de ar polar sobre a região centro-sul do Brasil irá provocar o declínio acentuado das temperaturas mínimas. Não se pode descartar a possibilidade que entre os dias 02 e 04/06 os termômetros venham registrar temperaturas próximas dos 5°C em muitos municípios da região Sul, como também de São Paulo e do sul de Minas Gerais. Em locais de baixada e de alta altitude existe a possibilidade de ocorrência de formações de geadas de fraca intensidade. Esse frio poderá afetar lavouras de feijão, café e cana de açúcar. Nas áreas produtoras de milho, o frio não deverá ser tão intenso.

 

Veja tambémExcesso de chuva atrasa o plantio da soja nos EUA

Onda de frio nos cafezais? Veja análise

Porque as previsões de clima são sempre trimestrais? Saiba como você agricultor pode transformar a previsão de clima em informação útil.

Experimente ter monitoramento em tempo real da sua fazenda

+ mais notícias