Ícone de alerta
Alerta anterior Próximo alerta Fechar alerta

Clima favorece produção de tabaco no Sul

Compartilhar Compartilhe no Whatsapp Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter

2 min de leitura

Temperaturas altas, pouco frio e chuvas regulares. Essa foi a receita para o bom desenvolvimento do tabaco na Região Sul do país. “Os dias quentes são excelentes para a cultura, que precisa de muita luminosidade e calor. A pluviosidade também foi em quantidade suficiente para a planta”, explica Paulo Vicente Ogliari, Gerente Técnico da Afubra – Associação dos Fumicultores do Brasil.

 

O tabaco ainda está no início do desenvolvimento, mas os produtores estão animados com o Clima favorável e já esperam bons resultados. “Está chovendo regularmente e, de semana em semana, percebemos a evolução”, afirma o especialista.

 

Informação meteorológica é necessária na hora de tomar a decisão. Saiba mais sobre o volume de chuva e quantidade de nuvens previstas na sua região agrícola. Clique aqui

 

Expectativa de safra é animadora

Em alguns municípios, todo o tabaco já foi transplantado e o desenvolvimento está adiantado. Consequentemente, a colheita deve começar antes do previsto neste ano. Se continuar assim, a produção pode surpreender. “A expectativa é de safra cheia, se não acontecer nenhuma intempérie até a colheita”, finaliza.

 

De acordo com a meteorologista Camila Ramos, as chuvas continuam regulares na Região Sul até o final do mês de setembro sem longos períodos secos, com uma ou duas chuvas por semana. No final do mês, as chuvas avançam também para o Paraná.  Não há expectativa de novas massas polares de forte intensidade.

 

Veja também: Ainda podemos ter La Niña em 2017?

Navegue pelo Blog do AgroclimaPro e fique por dentro das principais informações sobre a agricultura no Brasil e no mundo 

Conecte sua estação meteorológica e tenha previsões ainda mais precisas 

Experimente ter monitoramento em tempo real da sua fazenda

+ mais notícias