Ícone de alerta
Alerta anterior Próximo alerta Fechar alerta

Feijão terá avanço na colheita sem preocupações

Compartilhar Compartilhe no Whatsapp Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter

4 min de leitura

Texto por Ludmila B. Camparotto

 

Nessa segunda-feira (25), a presença de uma massa de ar seco sobre grande parte do Brasil, mantém o céu com pouquíssimas nuvens e consequentemente, não há previsão de chuva para nenhuma região produtora do Centro-Oeste, Maranhão, Tocantins, Piauí, Bahia, Pará, Maranhão, interior do Nordeste e Sudeste ao longo do início dessa semana. Além do tempo seco, as temperaturas, em especial as mínimas, continuam oscilando entre 15° e 21°C em grande parte da região central do país.

 

Esse padrão meteorológico deverá se manter inalterado ao longo de toda a semana, não sendo previstas chuva para nenhuma dessas regiões. Apenas pode ocorrer eventuais pancadas de chuva isolada e de baixa intensidade na faixa litorânea do Nordeste, em alguns pontos do Espírito Santo e no extremo norte da região Norte do Brasil. Assim, os trabalhos de plantio, tratos culturais e de colheita do milho, algodão, feijão, cana-de-açúcar e do café poderão avançar sem maiores problemas

 

Instabilidade na Região Sul

 

Entre segunda (25) e terça-feira (26) a maior instabilidade deve ficar mais concentrada entre os estados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina. Já entre terça (26) e quarta-feira (27) a chuva deve ocorrer entre Santa Catarina e no sul e sudoeste do Paraná. Não se descarta a possibilidade de ocorrência de pancadas de chuva no extremo sul do Mato do Grosso do Sul. Já na sexta-feira (29), o avanço de um novo sistema pela faixa oeste da Região Sul irá provocar novas áreas de chuva nos três estados, principalmente na faixa oeste do Rio Grande do Sul.

 

De maneira geral, as chuvas ocorridas no Sul do Brasil têm auxiliado a manutenção dos níveis de umidade do solo, garantindo boas condições ao plantio e desenvolvimento inicial das lavouras de inverno, como o trigo. No entanto, as precipitações previstas ao longo da semana, podem provocar algumas paralisações nos trabalhos de campo. No Paraná, a chuva prevista deve ocorrer, principalmente, na metade sul do estado e pode atrapalhar o pleno andamento da colheita do milho safrinha.

 

Com relação as temperaturas, o padrão continuará o mesmo observado nos últimos dias, ou seja, temperaturas mais amenas durante a noite e dias mais quentes. Ressalta-se que não há riscos para ocorrência de geadas nas áreas de lavouras ao longo dos próximos dias.

 

Agrotalk: a nova plataforma sobre Clima e produtividade no campo

 

Leia no Blog do Agroclimapro outras informações e análises sobre as culturas 

 

Para saber maiores informações de como se planejar com antecedência e tornar o clima seu grande aliado basta consultar www.agroclimapro.com.br

 

Veja como a informação meteorológica pode ajudar a tomar a decisão dentro do campo:

Análise de volume de chuva para a área produtora

 

 

Experimente ter monitoramento em tempo real da sua fazenda

+ mais notícias