Ícone de alerta
Alerta anterior Próximo alerta Fechar alerta

Fatores climáticos afetaram a soja no Rio Grande do Sul

Compartilhar Compartilhe no Whatsapp Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter

3 min de leitura

Os problemas climáticos ocorridos em janeiro afetaram o principal produto agrícola do Rio Grande do Sul. A soja também irá colher menos que o previsto. Fatores como chuvas, umidade e luminosidade praticamente anularam o crescimento de produção.

 

A estimativa era de um acréscimo de 1,148 milhão de toneladas para 2019, mas as perdas foram de 1,045 milhão de toneladas, gerando um crescimento real de apenas 102,5 mil toneladas. O resultado final é de uma queda de R$ 1,433 bilhão.

 

Dom Pedrito (92 mil ton) e São Gabriel (91 mil ton) foram os municípios com maior perda em números absolutos da oleaginosa. Candiota novamente registrou um alto índice de queda de produtividade com 35%, sendo superada apenas por Dom Pedrito, com 40%. Pela sua forte penetração no estado, a soja registrou prejuízos em todas as regiões do estado que irá colher, em média, três sacos a menos por hectare (-5,6%).

 

Tendência do Clima 

 

De acordo com a meteorologista Graziella Gonçalves, o tempo fica firme com pouquíssima chuva no estado no período entre 21/02 e 23/02. A partir do dia 24/02, a passagem de uma frente fria associado a um ciclone extratropical muito intenso no oceano vai favorecer a ocorrência de muita chuva forte e volumosa com potencial para queda de granizo, já na madrugada.

 

As áreas de instabilidade vão trazer um volume de chuva muito elevado, mas o tempo instável não irá persistir por muitos dias. Depois, do dia 26/02, o tempo seco volte a predominar. A tendência para Março é que o mês seja de poucos eventos de chuva e termine com volumes abaixo da média.

 

AgroclimaPro

 

Para saber se o melhor caminho é aguardar ou seguir em frente com o plantio você pode contar com o Agroclima PRO, serviço de agrometeorologia de precisão da Climatempo. Com o ele é possível acompanhar os índices de umidade no solo e a previsão de chuva para sua região e, ainda melhor, para a sua fazenda! Nessa safra, a atenção em relação ao melhor momento para o plantio será fundamental para garantir a uniformidade das lavouras. Confiar nas previsões e na expertise da principal empresa privada de meteorologia do país será fundamental para garantir o sucesso da safra que está prestes a iniciar!

 

Acerte na sua safra! Assine agora mesmo o Agroclima Pro

Acesse: https://agroclimapro.com.br/

 

 

Experimente ter monitoramento em tempo real da sua fazenda

+ mais notícias