Ícone de alerta
Alerta anterior Próximo alerta Fechar alerta

Produtores do RS já colheram 56% da área semeada

Compartilhar Compartilhe no Whatsapp Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter

Foto: Nilson Conrad/Irga - RS

3 min de leitura

Foto: Nilson Conrad - Irga - RS

 

Os trabalhos de colheita de arroz avançam nos campos gaúchos e já atingiram 56% no Rio Grande do Sul. O levantamento do Instituto Rio Grandense do Arroz mostra que já foram colhidos 529.756 hectares dos 945.940 ha semeados no Estado.

 

Os dados são tabulados pela Divisão de Assistência Técnica e Extensão Rural (Dater), a partir de informações apuradas pelas equipes dos Núcleos de Assistência Técnica e Extensão Rural (Nates) da autarquia junto aos produtores.

 

daterirga

Fonte: Dater / Irga

 

A produtividade média no Rio Grande do Sul segue alta, com 8.902 quilos por hectare. A Fronteira Oeste registra a melhor produtividade entre as seis regionais arrozeiras, com 9.367 kg/ha.

 

Até o último dia 01 de Abril, os dados consolidados mostram que a Planície Costeira Externa segue a mais adiantada entre as seis regiões, com 69,49% (74.565,16 ha dos 107.300,00 ha semeados). Logo após vem a Fronteira Oeste, com 64,76% (180.271,78 ha de 278.349,78 ha). Todas as demais regionais já ultrapassaram os 45%.

 

Soja em áreas de arroz

 

No que se refere à soja em áreas de arroz, o Rio Grande do Sul registra 366.409 hectares de área semeada.

 

Confira os dados da soja por regional:

 

Zona Sul: 100.099 ha

Campanha: 92.741 ha

Planície Costeira Interna: 65.103 ha

Central: 37.228 ha

Fronteira Oeste: 36.216 ha

Planície Costeira Externa: 35.020 ha

 

Agroclima PRO

 

Como planejar uma safra e monitorar sua fazenda?

 

Otimizar o plantio, ficar de olho no Clima para avançar com os trabalhos no campo e observar o desenvolvimento da cultura para evitar perdas são algumas das decisões que você produtor rural precisa tomar durante a safra. 

 

Agroclima Pro é um serviço de tecnologia da Climatempo que utiliza o conhecimento meteorológico. Com ele você pode acessar o histórico de dados de Clima para sua fazenda e pode detectar áreas com menor vigor vegetativo. Além disso, você fica sabendo como será a demanda hídrica da sua lavoura nos próximos 15 dias e ainda consegue identificar os melhores dias e horários para realizar as pulverizações.

 

 

Experimente ter monitoramento em tempo real da sua fazenda

+ mais notícias