Ícone de alerta
Alerta anterior Próximo alerta Fechar alerta

Eficiência do solo é destaque no SolloAgro Summit

Compartilhar Compartilhe no Whatsapp Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter

4 min de leitura

A cidade de Piracicaba, no interior de São Paulo, conhecida como o Vale do Silício brasileiro e grande polo de inovação para o Agronegócio é sede do SolloAgro Summit, nesta quarta-feira (22/06).

 

Produtores rurais, engenheiros agrônomos, colaboradores de toda a cadeia do agronegócio estão reunidos com especialistas, professores e pesquisadores para  discutir, aprimorar o conhecimento sobre a ciência do solo, mudanças do Clima, sistemas de produção, plantabilidade e o movimento do mercado de fertilizantes e biológicos no país. 

 

O evento é uma realização do programa Sollo Agro, da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq/USP) coordenado pelo professor Luis Reynaldo Ferraciú Alleoni, do departamento de Ciência do Solo.

 

"Levar conhecimento produzido na universidade para a comunidade do agro e criar um efeito multiplicador de informações é uma forma de extensão universitária. O conhecimento científico aplicado na prática diária faz muita diferença no trabalho do produtor ”, comenta Alleoni.

 

Foto: Angela Ruiz - Piracicaba/SP

 

O primeiro dia do evento (21/06), foi marcado por palestras sobre a construção da fertilidade dos solos arenosos e o manejo e a importância do do solo para o modelo integração lavoura-pecuária e floresta (IPLF). "Os sistemas integrados são alternativa para o cultivo em solos arenosos", disse Miguel Marques Neto, da Embrapa Milo e Sorgo.

 

A eficiência das operações agrícolas estão associadas aos pilares da plantabilidade o que resulta em menos perdas e mais produtividades, de acordo com o professor da Unesp de Bauru, Paulo Arbex.

 

"Perdas com falhas do disco de plantio podem gerar prejuízos iniciais da ordem de 430  mil reais se não houver uma manutenção das máquinas para uma distribuição uniforme das sementes no sulco", alerta o professor.

 

A Climatempo, está presente no evento com o AgroclimaPRO, serviço de tecnologia da Climatempo que utiliza o conhecimento meteorológico. Com ele você pode acessar o histórico de dados de clima para sua fazenda e pode detectar áreas com menor vigor vegetativo. Além disso, você fica sabendo como será a demanda hídrica da sua lavoura nos próximos 15 dias e ainda consegue identificar os melhores dias e horários para realizar as pulverizações. 

 

"Uma característica importante dentro da plataforma é o balanço hídrico, onde o produtor acompanha o nível da água no solo e da evapotranspiração e acessa dados de previsão para as próximas 72 horas, 15 dias, seis meses e a previsão climática por pontos monitorados em sua fazenda", conta Willians Bini, head de Agronegócios.     

 

O SolloAgro Summit 2022 termina nesta quarta-feira (22/06) com uma jornada de palestras, espaço de convivência com as empresas do Agronegócio que formam a interação da academia com o setor produtivo do país. 

Experimente ter monitoramento em tempo real da sua fazenda

+ mais notícias