Ícone de alerta
Alerta anterior Próximo alerta Fechar alerta

Produtividade do milho safrinha pode ter queda no PR

Compartilhar Compartilhe no Whatsapp Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter

3 min de leitura

As chuvas que caíram na região do Paraná no último mês impactaram diretamente na produção do milho safrinha. “Nós estávamos com um bom potencial, por conta do investimento dos produtores e também do Clima que atuou em nosso favor durante a colheita. Mas em razão das chuvas no início de junho, a produtividade diminuiu um pouco”, conta Paulo Brunetto, engenheiro agrônomo da Cooperativa Agroindustrial Copagril. 

 

Veja como receber uma Análise de volume de chuva para a área produtora

 

A análise do especialista foi feita em cima dos dados do Departamento de Economia Rural (Deral).

Até o momento, os números sinalizam uma diminuição de 3% em relação ao ano passado. “Apesar disso, a colheita foi realizada num período seco na maior parte do tempo. As chuvas cessaram no oeste do Paraná em 18 de Junho retornando a chover em 02 de agosto, proporcionando um período seco muito bom para a realização da colheita. Com isso, o produtor conseguiu colher com uma umidade, abaixo de 20%, então a qualidade do grão está boa”, afirma.

 

As principais regiões produtoras do milho safrinha ficam no oeste, norte e noroeste do estado, justamente por conta do clima. Já para o sudeste, as lavouras ficam sob o frio, o que prejudica a plantação da cultura. “Nas regiões mais baixas do estado, é mais comum a presença de lavouras de trigo, por exemplo”, finaliza Paulo.

 

Segundo o meteorologista da Climatempo Alexandre Nascimento, só há expectativa de chuva no centro-oeste do estado para a segunda quinzena de setembro. “Nesses locais a situação está tranquila, e os produtores ainda têm três semanas para continuar colhendo”, afirma. Já no sul e oeste do Paraná, a chuva pode começar um pouco mais cedo, por volta do dia 10 de setembro, mas também não deve prejudicar a colheita do milho safrinha.

 

Notícias Agro: Desenvolvimento do trigo está prejudicado  

Furacão Harvey provoca grandes prejuízos para o algodão e o arroz nos EUA

 

Conecte sua estação meteorológica e tenha previsões ainda mais precisas 

Fique por dentro das análises agrometeorológicas no blog do Agroclimapro. Aqui

Experimente ter monitoramento em tempo real da sua fazenda

+ mais notícias