Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter

AGROCLIMA

publicidade

Frente fria trará chuva e frio para o Centro-Sul

25/07/2016 às 10:19
por César Soares

Oferecimento

Análise das condições do tempo no Brasil da última semana: O ar seco predominou sobre o Centro-Sul do país favorecendo a elevação da temperatura ao longo da semana.

 

O Centro-Sul do país começou a semana com tempo firme e a presença do ar polar que fez com que a temperatura caísse bastante. Inclusive a geada ocorreu de forma persistente e abrangente ao longo da semana, principalmente sobre as áreas produtoras da Região Sul. Por outro lado o ar seco também garantiu o tempo firme e sem chuva sobre as áreas do Centro-Oeste. O grande problema ficou com o número de queimadas que aumentou 44% em relação ao mesmo período do ano de 2015, entre janeiro e julho, sobre o estado de Mato Grosso.

 

Figura 1: Anomalia de chuva para o mês de julho de 2016

 

No mapa de anomalia de chuva é possível verificar que somente as áreas do leste da Região Sul e do norte da Região Norte estão com valores acumulados superiores à média climatológica para o mês de julho. O predomínio sobre as áreas centrais do país é de chuva abaixo da média, o que é garantido pela presença de massas de ar seco e quente, desta forma o número de queimadas tende a aumentar.

 

 

Previsão para os próximos dias no Brasil: Frente fria passa e provoca chuva no Sul, Sudeste e Centro-Oeste. Ar polar vai trazer mais geada

 

O grande destaque para esta semana fica com a passagem de uma forte frente fria que vai afastar o ar seco do Centro-Sul do Brasil. Há previsão para temporais e ventania que pode provocar problemas sobre as áreas produtoras. A chuva forte vai se espalhar a partir da terça-feira (26), de forma abrangente sobre o Sul e na quarta-feira (27) em algumas áreas do Sudeste.

 

 

 

Figura 2: Chuva acumulada entre os dias 25 e 29 de julho

 

* Após a passagem da frente fria, o ar polar volta a provocar a queda de temperatura sobre a Região Sul, com isso há risco para geada sobre as áreas produtoras.

 

Figura 3: Temperatura mínima entre os dias 26 e 29 de julho

 

 * Até mesmo as áreas do sul de Minas Gerais, de São Paulo e Serra da Mantiqueira podem ter geada, mas de forma muito mais pontual.

 

Figura 4: Previsão de chuva acumulada entre os dias 31 de julho e 04 de agosto

 

* A circulação de umidade vinda do mar ainda vai provocar pancadas de chuva sobre o leste do Nordeste entre os dias 31 de julho e 04 de agosto. Mas as áreas do interior e sertão ainda amargam a presença do ar seco que impede a ocorrência de chuva.

 

* A chuva começa a perder força sobre o Sul do país, mas ainda há previsão para algumas rápidas pancadas e até mesmo chuviscos. Sem risco para temporais. Somente sobre a Campanha Gaúcha teremos volumes acumulados que podem alcançar os 70mm.

publicidade

ENCONTRE UMA LOCALIDADE

loading
publicidade

RECEBA NOVIDADES POR EMAIL

Cadastre-se para receber as últimas notícias e informações meteorológicas sobre a sua localidade

RECEBA NOVIDADES POR EMAIL

×
Ocorreu um erro ao enviar fazer seu cadastro. Por favor, tente novamente mais tarde!

Cadastre-se para receber as últimas notícias e informações meteorológicas sobre a sua localidade

Digite seu nome
Digite seu email