Ícone de alerta
Alerta anterior Próximo alerta Fechar alerta

Entendendo a Amazônia. Como conhecer melhor?

Compartilhar Compartilhe no Whatsapp Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter

3 min de leitura

Muito se fala sobre a Amazônia, especialmente sobre sua importância para o Brasil, a América Latina e o planeta. Porém, cerca de 80% de quem opina sobre o bioma Amazônico não o conhece. Então, por que não apresentar a Amazônia para o mundo, considerando suas mais diversas perspectivas.

 

Esta é a proposta do evento Entendendo a Amazônia, gratuito e on-line (www.youtube.com/agri-rex), que será realizado nos dias 19 a 22 de julho de 2021.

 

As inscrições já estão abertas no site https://agrirex.congresse.me/amazonia

 

“Vamos mostrar a Amazônia de maneira mais clara, considerando o meio ambiente, as pessoas, a economia, desafios e oportunidades, contribuindo para um melhor embasamento de opiniões”, diz Marco Ripoli, diretor da Agri-Rex, realizadora do evento.

 

Entendendo a Amazônia é voltado para os mais diversos públicos do Brasil e do exterior, das instituições privadas e públicas, governos, entidades de classe e outros. São esperados mais de 25 mil participantes de todos os continentes. Entendendo a Amazônia não tem conotação política. Queremos informar corretamente a sociedade em geral e buscar melhores caminhos para essa riqueza, integrando a preservação com a produção sustentável”, explica Ripoli.

 

A programação do evento é completa e inclui temas como desenvolvimento sustentável da Amazônia; Impacto do desmatamento nas mudanças climáticas globais e na produção global de alimentos; Importância da atuação dos fundos internacionais na preservação do Bioma Amazônico; Visão de futuro para a Amazônia, sua importância para a população global e o papel do Agro neste contexto.

 

“O desconhecimento e o compartilhamento de informações equivocadas desgastam a imagem do Brasil e da Amazônia. Esse cenário causa prejuízos socioeconômicos e ambiental, ao impedir progresso em bases sólidas. Nossa proposta é compartilhar aprendizados e apontar caminhos para essa região de intensa biodiversidade e um dos maiores biomas do mundo”, destaca Eric Holtel, diretor executivo da Agri-Rex.

Experimente ter monitoramento em tempo real da sua fazenda

+ mais notícias