Ícone de alerta
Alerta anterior Próximo alerta Fechar alerta

Pesquisa genética garante viabilidade econômica do cacau

Compartilhar Compartilhe no Whatsapp Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter

3 min de leitura

A partir da entrada da doença vassoura de bruxa nos cacauais da Bahia, a CEPLAC órgão do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento-MAPA, por intermédio do seu Centro de Pesquisas do Cacau, vem coordenando um programa de pesquisas que é considerado nos meios científicos o maior e mais efetivo programa de melhoramento genético da história da cacauicultura mundial.

 

A chegada da vassoura de bruxa, identificada no ano de 1989 nas fazendas de cacau do sul da Bahia, se constituiu num sério problema econômico, um desafio à pesquisa científica da CEPLAC e à cacauicultura brasileira. A vassoura de bruxa já havia praticamente dizimado as plantações e destruído a economia cacaueira de países produtores da América Central, assim como Peru, Equador e Colômbia, na América do Sul.

 

A doença se alastrou rapidamente no sul da Bahia, reduziu drasticamente a produção brasileira de cacau e obrigou o Centro de Pesquisas do Cacau (Cepec) a buscar meios imediatos para controlar a terrível enfermidade. Um esforço massivo da pesquisa e da extensão rural da CEPLAC definiu um sistema de controle integrado com quatro vertentes: os controles químico, biológico, genético e cultural, que incluía o uso racional de fungicidas cúpricos e sistêmicos, a poda fitossanitária com a remoção de tecidos infectados, a geração de clones produtivos e resistentes à doença e o controle biológico, que levou a Unidade de Biocontrole do Cepec/CEPLAC à formulação do Tricovab, com fungos antagonistas ao fungo Moniliophthora perniciosa da vassoura de bruxa.

 

A ciência agronômica considera o controle genético como o mais limpo e mais simples método para utilização do produtor, mas dependente da disponibilidade de cultivares com as características requeridas. Foi por esta razão que a CEPLAC definiu como ação, em longo prazo, a execução de um ambicioso programa de melhoramento genético em parceria com várias instituições de pesquisas nacionais e internacionais que apresenta agora resultados extraordinários.

 

Na próxima terça-feira, dia 11/12, você confere aqui no Agroclima os resultados desta pesquisa. Fique ligado!

 

 

Experimente ter monitoramento em tempo real da sua fazenda

+ mais notícias